Licensa

25/04/2014

Caixinha Mágica - Por Roseana Murray

Fabrico uma caixa mágica
para guardar o que não cabe 
em nenhum lugar:
A minha sombra
em dias de muito sol,
o amarelo que sobra
do girassol,
um suspiro de beija-flor,
invisíveis lágrimas de amor.

Fabrico a caixa com vento,
palavras e desequilíbrio
e para fechá-la
com tudo o que leva dentro,
basta uma gota de tempo.

O que é que você quer
esconder na minha caixa?

in Fábrica de Poesia, ed. Scipione.

Nenhum comentário:

Postar um comentário