Licensa

26/09/2012

Primeira edição do jornal da EJA do Capelozza!!!

Z218417542_large
A baixa auto estima
Uma característica frequente do(a) aluno(a) é sua baixa auto-estima, muitas vezes reforçada pelas situações de fracasso escolar. A sua eventual passagem pela escola, muitas vezes, foi marcada pela exclusão e/ou pelo insucesso escolar. Com um desempenho pedagógico anterior comprometido, esse aluno volta à sala de aula revelando uma auto-imagem fragilizada, expressando sentimentos de insegurança e de desvalorização pessoal frente aos novos desafios que se impõem.
Se vasculharmos nossas próprias lembranças da escola, tanto as boas quanto as más, veremos que o que fica na nossa memória não são só os conteúdos, mas marcantemente os professores. A figura do(a) professor(a) aparece, em nossas lembranças, como aquela que marcou uma predileção por determinada área do conhecimento, como alguém que nos influenciou em nossas escolhas profissionais, mesmo como alguém com quem nada aprendemos ou até como aquela pessoa com quem não gostaríamos de nos encontrar na rua. Isso nos ajuda a compreender que o(a) professor(a) exerce um papel determinante e de responsabilidade tanto pelo sucesso quanto pelo fracasso escolar de qualquer um de seus alunos. 
(...) O papel do(a) professor(a) de EJA é determinante para evitar situações de novo fracasso escolar. Um caminho seguro para diminuir esses sentimentos de insegurança é valorizar os saberes que os alunos e alunas trazem para a sala de aula. O reconhecimento da existência de uma sabedoria no sujeito, proveniente de sua experiência de vida, de sua bagagem cultural, de suas habilidades profissionais, certamente, contribui para que ele resgate uma autoimagem positiva, ampliando sua auto-estima e fortalecendo sua autoconfiança. 
O bom acolhimento e a valorização do aluno, pelo(a) professor(a) de jovens e adultos possibilitam a abertura de um canal de aprendizagem com maiores garantias de êxito, porque parte dos conhecimentos prévios dos educandos para promover conhecimentos novos, porque fomenta o encontro dos saberes da vida vivida com os saberes escolares. Fonte
Entrega do jornal: período da manhã


Entrega do jornal: período da tarde

Conheça o jornal:

Nunca deixe que nenhum limite tire de você a ambição da auto-superação. desconhecido
A nossa maior glória não reside no fato de nunca cairmos, mas sim em levantarmo-nos sempre depois de cada queda. Confúcio
Problemas não são obstáculos, mas oportunidades ímpares de superação e evolução. Maurício Rodrigues de Morais

2 comentários:

  1. Anônimo20.10.12

    Parabéns Lú pelo maravilhoso trabalho. Gostei muito do jornal da EJA. Você é uma grande educadora. Não posso deixar de destacar e parabenizar também a diretora Rose pelo trabalho que realiza e pelo blog que está muito bom.
    Abraços...
    Odirlei

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pela visita!!!
      Realmente nossa escola e nossos alunos da EJA foram abençoados com a chegada da professora Luciana. Estamos conseguindo realizar um sonho antigo ... integrar mais os alunos da EJA com os alunos do regular. A professora Luciana trouxe ânimo, garra, alegria, confiança, etc. para os alunos. Fez eles voltarem a acreditar que é possível, apesar de tudo!!!
      Agradeço também pelo reconhecimento do meu trabalho na escola e no blog! Adoro tudo!!!!
      Um grande abraço
      Volte sempre!!!
      Rose

      Excluir