Licensa

09/05/2012

8 razões para ir à reunião de pais e mestres

É preciso cuidar com afinco da Educação do seu filho. E frequentar as reuniões escolares é um excelente começo. Quer ver?
O professor do seu filho conhece suas expectativas em relação ao trabalho dele? E você: sabe exatamente como é o dia-a-dia da criança na escola? Sabe como ela se relaciona com o professor e os colegas? Se você frequenta as reuniões de pais e mestres e mantém um diálogo constante com os profissionais que cuidam da Educação do seu filho, provavelmente deve estar com todas essas questões esclarecidas e, portanto, sentindo-se mais seguro. 

Sim, a reunião de pais e mestres não é um mero evento protocolar, que a escola organiza com o objetivo de dar algumas satisfações aos pais. "O objetivo das reuniões é compartilhar interesses e missões tendo em vista os benefícios para o aluno", define a pedagoga Isa Spanghero Stoeber, uma das autoras do livro Reunião de Pais - Sofrimento ou Prazer?, da editora Casa do Psicólogo.

Compartilhar é mesmo a palavra quando se fala nessas reuniões. Afinal, a relação entre a escola e os pais deve ser de parceria, como ressalta Carmem Silvia Galluzzi, autora do livro Propostas para reunião de Pais, da Editora Edicon. Para ela, as reuniões têm um grande poder de aproximar famílias e escolas. "Os pais recebem orientações, esclarecem dúvidas e, assim, estabelecem uma relação de confiança e cooperação com os professores." 

Do ponto de vista social, estar presente nas reuniões também traz benefícios aos pais e, consequentemente, ao aluno, pois a troca de vivências é grande. "É importante que os pais dos alunos se conheçam e troquem experiências", explica Fernanda Flores, coordenadora pedagógica da Escola da Vila, de São Paulo.

Enumeramos aqui 8 razões para você sempre marcar presença nesses encontros e tirar o máximo proveito deles.
1. Conhecer a escola a fundo;
2. Acompanhar o aprendizado;
3. Esclarecer dúvidas de interesse geral;
4. Conhecer seu filho sob outros pontos de vista;
5. Firmar parceria com a escola;
6. Entender as crises da idade;
7. Conhecer para poder ajudar;
8. Mais confiança para todos.
Reunião de pais do período da manhã - dia 08/05/12

Reunião de pais do período da tarde - dia 09/05/12


COMO A EDUCAÇÃO MUDOU A MINHA VIDA

Filósofos, escritores, economistas, artistas e outras personalidades marcantes do Brasil falam sobre o impacto de uma boa Educação no futuro
Eduardo Giannetti: "Aprender a gostar de estudar foi um dos fatos definidores da minha vida"
O economista tornou-se educador ao descobrir que organizar o que aprendeu, de forma que outros também possam aprender, pode constituir um projeto de vida. Fonte
Música
Alex Ross: "Uma criança precisa de toda boa oportunidade possível"
O crítico Alex Ross conta como educação musical foi fundamental para a sua formação. Fonte
Foto:
LITERATURA
Tatiana Belinky: "A própria existência dos meus pais me educou"
A escritora infanto-juvenil Tatiana Belinky cresceu rodeada por músicas, livros e conversas. Fonte
Foto: Para Laurentino Gomes, os livros são o caminho para um aprendizado prazeroso
HISTÓRIA
Laurentino Gomes: "Quem lê amplia seus horizontes com a experiência dos outros"
O jornalista, autor dos livros de sucesso "1808" e "1822", fala sobre sua infância e o apoio que teve de seus pais nos estudos. Fonte
EDUCAÇÃO E FAMÍLIA
Lúcia Yuyama: "O exemplo familiar é o maior legado que se pode ter"
A pesquisadora do INPA desenvolve estudos sobre as propriedades nutricionais dos frutos da Amazônia. Fonte
ARTE
Daniela Biancardi: "Foi o teatro que me ofereceu uma educação criativa, ética e política"
Daniela trabalha com teatro e arte circense e por acreditar no poder educativo da arte, tem desenvolvido diversas atividades em comunidades carentes. Fonte
MOTIVAÇÃO
Alice Ruiz: "Exemplos de atitude ensinam mais que teorias"
Alice cresceu sem ter acesso a muitos livros, mas encontrou motivação na família para se tornar uma respeitada poeta e compositora. Fonte
INCLUSÃO
Alice Kuerten: "Me esforço para ensinar por meio da convivência com as adversidades"
A presidente do Instituto Guga Kuerten se dedica a uma Educação voltada para a inclusão da pessoa portadora de deficiência. Fonte
Foto: José Pacheco coordena a Escola da Ponte, instituição que se notabilizou pelo projeto educativo inovador, baseado na autonomia dos estudantes
DEPOIMENTOS
José Pacheco: "No meu percurso escolar, houve quatro pessoas que recordo com ternura"
O educador português relembra os seus professores mais marcantes. Fonte
Foto:
LITERATURA
Ferréz: "A Educação me transformou em um fazedor de leitores"
Um dos principais nomes da literatura marginal fala sobre superação e cultura. Fonte
Foto: O hobby de Garry Kasparov, segundo ele mesmo, é aprender
DEPOIMENTOS
Garry Kasparov: "O aprendizado não acaba nunca"
O enxadrista conta que passava horas, dias e semanas estudando e lendo livros. Fonte
EDUCAÇÃO FORMAL
Alain de Botton: "Nenhum sistema de ensino pode responder às necessidades profundas do indivíduo"
O escritor suíço fala sobre o potencial que todos os indivíduos têm para responder às próprias grandes questões. Fonte
Foto: Toquinho estudou harmonia, violão clássico e orquestração
DEPOIMENTOS
Toquinho: "A escola incutiu em mim a necessidade da disciplina para a evolução do conhecimento"
Para o compositor, a escola é essencial para formação de um caráter firme e positivo. Fonte
Foto: Mauricio de Sousa cresceu cercado por poetas, escritores, músicos e ilustradores
DEPOIMENTOS
Mauricio de Sousa: "Agradeço por ter recebido a Educação nas suas diversas formas"
O criador da Turma da Mônica conta que aprendeu as primeiras letras nas historinhas dos gibis. Fonte
Foto: Para Fernando Henrique Cardoso, valorizar a Educação é dever dos governantes
DEPOIMENTOS
Fernando Henrique Cardoso: "Educação significa aprender a perguntar e a pensar"
O ex-presidente da República conta que descobriu o verdadeiro sentido da Educação quando entrou na Universidade de São Paulo. Fonte

Nenhum comentário:

Postar um comentário