Licensa

13/04/2012

Um dia difícil...

Não quero desanimar.... só pedir a Deus...cuida de todos nós, de todas as nossas crianças, principalmente daquelas que são especiais.

Um dia conversando com uma amiga ela me disse que foi muito difícil andar na rua com seu filho na cadeira de rodas. Enquanto ela subia uma rua com certa dificuldade, nós bem sabemos como é usar cadeira de rodas nas ruas de São Paulo, as pessoas olhavam para ela com um ar de piedade e eu sei bem o que é isso, quantas e quantas vezes senti o peso desses olhares... Em minha alma já existe uma marca profunda e através da tatuagem posso expressar essa marca. Tenho um filho que usa cadeira de rodas sim mas sou uma mãe como qualquer outra, assim como meu filho é uma criança como as demais e meu desejo é que possamos viver em sociedade e desfrutar das coisas boas dessa vida como qualquer ser humano.
Minha singela homenagem a todas as mães especiais. A todas as minhas amigas, conhecidas, desconhecidas, as que receberam a notícia há pouco tempo e as que souberam faz anos... aquelas que deixaram de ser e aquelas que ainda serão...


Aceita-me do jeito que sou por questão de justiça e não por piedade.
Torna-me um ser útil porque de esmolas não quero viver.
Livra-me da ignorância e da dependência pelo teu dever de cidadão.
Põe em meus lábios a luz de um sorriso e não a sombra tristonha do medo.
Ajuda-me a não ser tão pesado a meus pais, fazendo minha reintegração na sociedade.
Reflete que meu início foi igual ao teu início.
Saiba que as ilusões que cercaram o meu nascer foram as mesmas que teus pais sonharam.
Desperta, com teu afeto, a minha mansidão contra a agressividade que avassala.
Olha-me! 

Porque sou humano como você.
Fonte: amar sem limites

2 comentários: